sábado, 27 de setembro de 2014

Dia do Turismólogo


Bom tarde amigos hoje é o nosso dia. O dia do Turismólogo. E por isso resolvi fazer esse post especial para explicar um pouco mais sobre a nossa profissão (para quem não sabe é claro) e a origem do nosso nome e o amor que sentimos em trabalhar com turismo. Para entender a nossa origem, vamos começar pelo termo turismólogo. Mas afinal o que é um turismólogo?

É o profissional que estuda, analisa e conhece o turismo em sua totalidade. A profissão teve inicio na década de 70 com o objetivo de categorizar uma formação acadêmica especifica que estava surgindo no Brasil. O primeiro curso iniciou-se na atual Universidade Anhembi-Morumbi no ano de 1971 e após foi à fez da Faculdade Ibero-Americana de Letras e Ciências Humanas em 1972. Com o crescimento dos cursos e de profissionais da área uma grande preocupação estava ocorrendo que foi se fizer um curso de bacharel (graduação em cursos superiores em turismo) e a sua profissão não ser regulamenta. Essa situação ocorreu até nos dias atuas, no dia 19/01/2012 foi publicado no Diário Oficial a lei 12.591, a portaria define as atividades da profissão de turismólogo. Depois de tantos anos finalmente a profissão estava ganhando mais força.

A lei considera atividades do turismólogo: planejar, organizar, dirigir, controlar, gerir e operacionalizar instituições e estabelecimentos ligados ao turismo, coordenar e orientar trabalhos de seleção e classificação de locais e áreas de interesse turístico de acordo com sua natureza geográfica, histórica, artística e cultural. Bem como realizar estudos de viabilidade econômica ou técnica, coordenar e orientar levantamentos, estudos e pesquisas relativamente a instituições, empresas e estabelecimentos privados que atendam ao setor turístico, entre outras.

O bacharelado em turismo (a faculdade) oferece um grande leque de opções: supervisão; assessoria; gerência; direção de empreendimentos turísticos públicos/privados; coordenação de trabalhos técnicos; elaboração e análise de planos para o desenvolvimento do turismo, ou até mesmo a carreira acadêmica, pois são pouquíssimos os professores formados nessa área.
Falar outro idioma, fazer cursos de especialização (pós-graduação ou cursos de extensão) e outros diferenciais do profissional podem ser decisivos para sua carreira. Além destes caminhos vale lembrar que passar feriados e fins de semana trabalhando é algo comum na atividade, isto vale para aqueles que pensam que trabalhar com turismo é viajar e curtir.
Tradicionalmente, o turismólogo trabalhava em agências e operadoras de viagem, companhias de transporte, hotéis ou restaurantes. Esses são ainda espaços que ele ocupa, mas hoje, o profissional circula também por outras áreas, como nas secretarias municipais, estaduais e outros órgãos públicos, empresas de promoções e eventos, nas ONGs e etc.
A presença do turismólogo serve não apenas para promover e organizar locais que já existe potencial turístico, mas também para criá-los, porém é preciso que o profissional fique atento para as exigências do mercado, tais como postura, criatividade, liderança, etiqueta empresarial, comunicação e trabalho em equipe.

Então agora que já sabemos como um turismólogo trabalha e a origem do nosso nome, vamos deixar as coisas um pouco mais relaxadas e divertidas.  Existem algumas coisas que todas as pessoas que fazem turismo já sentiram na pele (comigo mesmo já aconteceu) que são as piadinhas de turismo. E ai virou turista foi? Ai que bom que você esta fazendo turismo vai me dar vários descontos nas viagens internacionais. E ai o que você faz na faculdade de turismo além de ler sobre viagens e fazer roteiros. Sabe quando eu escuto ou leio essas frases me da uma vontade de ser grosseiro (às vezes eu sou dependendo da pessoa, claro hehe), mas esse é o momento para mostrar que a nossa faculdade não é apenas viagens e tudo beleza. Temos que fazer cálculos, ter aula de psicologia, de transportes, de agenciamento, de português, inglês, espanhol, agenciamento, alimentos e bebidas, etiqueta, hospedagem, planejamento e organização turística, marketing, legislação entre muitas outras matérias. Turismo é a minha vida e eu não me arrependo em nada por ter entrado nessa área. Fiz ótimos amigos na faculdade e minha vida mudou bastante desde que eu abri a Miguez Tour e  comecei a escrever para vocês, mesmo que não tenha ninguém lendo eu sei que posso ter  tentado ajudar vocês em alguma coisa ou dica de lugar. Só tenho que pedir desculpa por uma coisa. Estava querendo fazer uma surpresa para vocês, mas não consegui fazer a tempo. Deixa para a próxima. Separei para vocês algumas vantagens de ser turismólogo ou de conhecer um. Amigos espero que vocês tenham gostado desse post especial sobre a nossa profissão e tudo sobre ela. Nós vemos na próxima aventura ou até qualquer momento meus aventureiros que eu amo muito. Bjos e até depois. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Meus Aventureiros